História da Ciência, Tecnologia e Inovação Africana e Afrodescendente

  • Carlos Eduardo Dias Machado

O curso propõe promover o conhecimento da produção tecnológica dos povos africanos e descendentes na diáspora que por séculos foi ocultada, contribuições científicas, tecnológicas e inovadoras que mulheres e homens de origem africana e da diáspora legaram e têm dado à humanidade ao longo da história.

É impossível saber realmente história da ciência sem também aprender sobre o legado dos inventores de origem africana.

Durante séculos criou-se uma imagem negativa a respeito da inteligência da população negra como inexistente e uma gama de intelectuais brancos como Hegel, Montesquieu, Hume, Kant, Lineu, Weber, Marx, Darwin, Victor Hugo e Voltaire desenvolveram teses afirmando que mulheres e homens negros não são humanos nem dotados de inteligência, não criaram impérios, civilizações e ciência, sendo isto uma prerrogativa do homem branco e base do racismo científico.

Quantos/as professores/as e graduados/as poderiam nomear um cientista negro? Quantos/as alunos/as poderiam descrever quaisquer realizações científicas que ocorreram no continente africano? Essa ignorância tem sérias implicações para a autoestima de uma parcela muito importante da população brasileira, daí a urgência deste curso.

Conteúdo programático

1 – Introdução ao estudo da Ciência, Tecnologia e Inovação Africana

2 –  África origem da humanidade e da ciência

3 –  A civilização egípcia e suas tecnologias: legado para o mundo atual

4 –  Inovações produzidas na África do Norte

5 –  Inovações produzidas na África Ocidental

6 –  Inovações produzidas na África Central

7 – Inovações produzidas na África Oriental

8 – Inovações produzidas no África Meridional

9 – Diáspora africana para Ásia, Europa e América

10 – Contribuições africanas para a ciência, tecnologia e desenvolvimento na América

11 – Inovações afrodescendentes do século 16

13 – Inovações afrodescendentes do século 17

14 – Inovações afrodescendentes do século 18

15 – Inovações afrodescendentes do século 19

16 – Inovações afrodescendentes do século 20

17 – Inovações afrodescendentes do século 21

18 – Apresentação dos estudos e das pesquisas escolhidas a critério das(os) alunas(os).

A quem se destina

Estudantes, professoras(es), pesquisadoras(es) e interessadas(os) em geral.

 

Educadoras(es)

  • Carlos Eduardo Dias Machado