Leituras do mundo: contextos, novos territórios e sentidos políticos

“A leitura do mundo precede a leitura da
palavra, daí que a posterior leitura desta não
possa prescindir da continuidade da leitura
daquele. Linguagem e realidade se prendem
dinamicamente. A compreensão do texto a ser
alcançada por sua leitura crítica implica a
percepção das relações entre o texto e o
contexto”.

A partir das palavras do educador Paulo Freire, entre outras referências, refletiremos sobre a importância do ato de ler e qual a dimensão da linguagem na vida humana.

Realização conjunta

  • Ação Educativa

A quem se destina

Educadoras(es), pesquisadoras(es), ativistas

Educadoras(es)

  • Ednéia Gonçalves